Seja bem vindo. Terça-Feira, 30 de Agosto de 2016

Área Restrita:

Informativo:



Artigos



BASE DE EGRESSOS – UMA RIQUEZA IMATERIAL PARA CAPTAÇÃO DE RECURSOS

Iniciado está o assunto sobre a importância da base de egressos nas instituições de ensino. Seja por exigências formais dos órgãos superiores (e reguladores), seja pela busca incessante de incremento do quantitativo de alunos, da abertura de novos cursos, do prolongamento do tempo de “vida útil” do aluno na instituição. E por que não, trabalhar o antigo estudante para captar recursos para diversos tipos de projetos?(02/10/2015)


+leia mais


ENGENHEIRO, UMA PROFISSÃO CORTEJADA

Clássica e recorrente é uma das definições de engenheiro: um solucionador de problemas. Decorrente de sua formação que estimula o raciocínio lógico, é um cartesiano, que se soma às características pragmáticas e utilitárias das disciplinas técnicas estudadas no curso. No entanto, para fazer jus à essa definição, necessita também de instintos darwinistas: flexível, versátil, capaz de se adaptar às elevadas exigências do mundo hodierno. E nunca se falou tanto em humanização da engenharia, um construtor de pontes, em vez de muros.(12/03/2016)


+leia mais


INADIMPLÊNCIA ESCOLAR NA MIRA DO JUDICIÁRIO

Muitas empresas, especificamente os estabelecimentos de ensino particular, sofrem prejuízos com a inadimplência excessiva, mormente em consequência do previsto na Lei 9.870/99, apelidada de “Lei do calote”. Essa matéria já foi objeto de um artigo nosso, nesta revista, em maio de 2008.(29/04/2016)


+leia mais


INADIMPLÊNCIA FINANCEIRA E ACADÊMICA

Determinada escola, preocupada com a queda ou pouco crescimento de sua matrícula nos últimos anos, foi orientada a fazer um levantamento dos pedidos de transferências, retroativos há cinco anos. O Resultado foi o seguinte: 23,8% - não aproveitamento escolar; 21,0% - Financeiro; 20,3% - mudança de endereço; 17,8% - Insatisfação; 17,2% - outros motivos. (14/11/2012)


+leia mais


O DILEMA DO ENSINO TÉCNICO

Lá na década de 70 minhas pesquisas mostravam uma situação bizarra nas escolas técnicas federais. Quanto maiores e mais dispendiosos os esforços para melhorá-las. menos elas cumpriam o seu papel. De fato, por serem as únicas escolas gratuitas de qualidade, passaram a atrair os alunos academicamente mais fortes. (16/10/2015)


+leia mais


ESCOLA É EMPRESA?

Com dedo em riste nos dizem: "Escola não é empresa", "educação não é produto", "avaliação é neoliberal", e por aí afora. Passemos ao largo desses soluços semânticos. (28/09/2015)


+leia mais


Copyright ©2011 SINEPE-CE, Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Ceará

Rua Senador Pompeu,1381, Centro
Contato: (85) 4012-0800 | Fax: 4012-0803
Fortaleza · Ceará · Brasil
REFFER